Círculo azul com os dizeres, em branco: 2 de abril Dia Mundial da Conscientização do Autismo World Autism Awaereness Day

Eventos comemoram o Dia Mundial de Conscientização sobre Autismo

01/04/2016 Deficiência Intelectual, Notícias 0
0 Flares 0 Flares ×
Senado Federal (DF), Jardim Botânico (RJ), Ponte Estaiada (SP) e Cristo Redentor (RJ) pintados de azul

Senado Federal (DF), Jardim Botânico (RJ), Ponte Estaiada (SP) e Cristo Redentor (RJ)

Em comemoração ao Dia Mundial de Conscientização sobre o Autismo, neste sábado (2), atividades diferentes aconteceram em Ji-Paraná (RO), cidade localizada a 370 quilômetros da capital Porto Velho. Os eventos foram organizados pelo Centro de Autismo e inclui palestras e sessão de cinema. A palestra aconteceu nesta quarta (30).

De acordo com a diretora do centro, Márcia Viana, a palestra foi aberta à comunidade, e discutiu três assuntos diferentes: “Autismos e acomodações”, “Entender e aceitar” e o depoimento de uma mãe e de um adulto com autismo. “Foi bem bacana para as pessoas verem que o autismo é tratável e as pessoas podem superar esta dificuldade”, explica.

Uma sessão de cinema aconteceu na tarde de quinta (31). Tudo foi adaptado para que o ambiente se tornasse agradável aos autistas. “As luzes estarão acessas, o som mais baixo e durante o filme, eles poderão caminhar pela sala”, explica a diretora.
A sessão azul foi aberta ao público, custando R$10 para acompanhantes e gratuita aos autistas, desde que estivessem usando blusa ou camiseta da cor azul, que é a cor símbolo do autismo.

Para finalizar a programação, após a sessão, uma carreata saindo do cinema seguiu até o Cedel, no bairro BNH. “Lá, soltamos os balões azuis como fazemos todos os anos, e as crianças tiveram um espaço para poder brincar”, explica.

Autismo – O Dia Mundial do Autismo, celebrado anualmente em 2 de abril, foi criado pela Organização das Nações Unidas (ONU), em 18 de dezembro de 2007, para a conscientização acerca dessa questão. No primeiro evento, em 2 de abril de 2008, o Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, elogiou a iniciativa do Catar e da família real do país, um dos maiores incentivadores para a proposta de criação do dia, pelos esforços de chamar a atenção sobre o autismo.

No evento de 2010, a ONU declarou que, segundo especialistas, acredita-se que a doença atinja cerca de 70 milhões de pessoas em todo o mundo, afetando a maneira como esses indivíduos se comunicam e interagem. No Brasil, estima-se que haja cerca de dois milhões de pessoas com autismo. Em 2011, o Brasil teve o Cristo Redentor, no Rio de Janeiro, iluminado de azul nos dias 1 e 2 de abril, além da Ponte Estaiada em São Paulo, os prédios do Senado Federal e do Ministério da Saúde em Brasília, o Teatro Amazonas em Manaus, a torre da Usina do Gasômetro, em Porto Alegre, entre outros. O azul foi definido como a cor símbolo do autismo porque a síndrome é mais comum nos meninos — na proporção de quatro meninos para cada menina.

Receba um e-mail com atualizações!

Assine e receba, gratuitamente, nossas atualizações por e-mail.

Eu concordo em informar meu e-mail para MailChimp ( more information )

Nós jamais forneceremos seu e-mail a ninguém. Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento.

Compartilhe:

Sem nenhum comentário

Deixe o seu comentário!