Foto de divulgação do filme Convenção das Bruxas, mostrando seis mulheres vestidas a caráter, formando um triângulo.

Anne Hathaway se desculpa por ofensas à ectrodactilia

07/11/2020 Deficiência Física, Destaques, Notícias 0
0 Flares 0 Flares ×
Imagem da personagem Grande Bruxa, careca, com um colar em forma de cobra no pescoço e mãos com apenas três dedos em cada.

Personagem Grande Bruxa, de Anne Hathaway mostra mãos com três dedos similares a de pessoas com ectrodactilia.

A atriz estaduninense Anne Hathaway usou suas redes sociais para se desculpar pela forma como seu mais recente filme, Convenção das Bruxas, representou a ectrodactilia, uma deformidade em que há ausência de um ou mais dedos centrais das mãos ou dos pés, que assumem uma aparência característica como se fossem presas de lagosta. Pode haver sindactilia (anormalidade embriológica que resulta na visível união entre dois ou mais dedos das mãos ou dos pés) dos dedos. Ela afeta cerca de 1 em 18.000 recém-nascidos, e também é visto em sapos, rãs, salamandras, ratos, coelhos, vacas, galinhas, macacos, cães, gatos e peixes-boi. A estrela de O Diabo Veste Prada (2006), Batman O Cavaleiro das Trevas (2012), Oito Mulheres e um Segredo (2018), dentre outros, publicou um longo pedido de desculpas na legenda de um vídeo da Lucky Fin Project, em que pessoas falam sobre a importância de não ter vergonha de seus membros com má-formação.

No filme, a personagem interpretada por Anne Hathaway, a vilã Grande Bruxa, mostra mãos com três dedos similares a de pessoas afetadas pela condição, indicando que essa é uma das formas de descobrir a identidade de uma bruxa. A produção sofreu duras críticas da mídia e de organizações sociais pela forma como representou a ectrodactilia. O perfil oficial das Paralimpíadas usou o Twitter para republicar uma postagem da nadadora Amy Marren, que não apenas critica o novo filme, como ainda traz um fragmento do livro de Roald Dahl, em que a produção se baseia. Segundo a imagem, Bruxas têm garras muito semelhantes a mãos comuns, o que torna a nova versão ainda mais injustificável. Um representante da Warner afirmou estar arrependido por qualquer ofensa causada e “profundamente triste ao saber que a descrição de personagens fictícios de Convenção das Bruxas poderia ofender pessoas com deficiência”. A justificativa do estúdio é que os designers da nova versão quiseram dar garras de gato, conforme a descrição do livro. “A intenção nunca foi que a audiência sentisse que as criaturas fantásticas e não-humanas serviam para representá-la”.

O filme Convenção das Bruxas é dirigido por Robert Zemeckis (De Volta para o Futuro; Forrest Gump) e estrelado por Anne Hathaway, Octavia Spencer e Chris Rock. Baseado na obra de Roald Dahl, foi lançado diretamente em streaming, nos Estados Unidos, na plataforma HBO Max, em 22 de outubro, e chegará ao Brasil em 19 de novembro. Confira o texto de Anne Hathaway:

“Muito obrigado ao Lucky Fin Project por me deixar usar este vídeo. Recentemente descobri que muitas pessoas com má-formação estão sofrendo pela representação da Grande Bruxa em Convenção das Bruxas.

Deixe-me começar dizendo que eu faço o meu melhor para ser sensível aos sentimentos e experiências dos outros, não por medo do politicamente correto, mas porque não machucar os outros me parece o nível mais básico de decência, para o qual deveríamos estar caminhando. Como alguém que realmente acredita em inclusão e realmente, realmente, detesta crueldade, devo um pedido de desculpas a todos vocês pela dor causada. Eu sinto muito. Não fiz a ligação entre má-formação com a Grande Bruxa quando o visual da personagem foi trazido a mim; se tivesse, juro que isso nunca teria acontecido.

Particularmente quero pedir desculpas às crianças com má-formação: agora que sei mais sobre, prometo fazer melhor. E devo um pedido de desculpas especial a todos que amam vocês ferozmente assim como amo meus filhos: sinto muito ter desapontado sua família.

Se você já não conhece, por favor confira o Lucky Fin Project e a hashtag #NotAWitch (Não sou bruxa, em tradução livre) para ter uma perspectiva mais inclusiva e necessária sobre a má-formação”

Receba um e-mail com atualizações!

Assine e receba, gratuitamente, nossas atualizações por e-mail.

Eu concordo em informar meu e-mail para MailChimp ( more information )

Nós jamais forneceremos seu e-mail a ninguém. Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento.

Compartilhe:

Sem nenhum comentário

Deixe o seu comentário!