Quem somos

Sem Barreiras é um espaço de discussão e informação sobre a temática da pessoa com deficiência. Criado em setembro de 2011, teve seu primeiro ensaio dois anos antes, em 2009, no rádio. Juntamente com o jornalista Fred Miranda, criamos o programa Sem Barreiras e gravamos alguns pilotos para a Rádio Universitária FM, mas não foi possível levá-lo ao ar. Assim, ficou guardado na gaveta e na memória até renascer em outra plataforma. A partir do lema Acessibilidade e cidadania andam juntas, procuramos contribuir para tirar a pessoa com deficiência da invisibilidade que a acomete desde sempre. O que não é visto nem ouvido não pode ser lembrado nem respeitado. Acreditamos ainda que diagnóstico não é sentença e que uma pessoa com deficiência é, plenamente, capaz de desenvolver sua cidadania, estudar, trabalhar, produzir, constituir família. Não somos coitadinhos ou cidadãos de segunda categoria. Temos direitos e deveres, só precisamos de oportunidades.

Criador: Sem Barreiras foi criado pelo jornalista Victor Vasconcelos, 41, formado pela Universidade Federal do Ceará, em julho de 2000. Nascido com Osteogênese Imperfeita, enfrenta as dificuldades de uma cidade sem infra-estrutura para pessoas com mobilidade reduzida – calçadas esburacadas ou obstruídas, ruas sem sinalização adequada, dificuldades com transporte. Profissionalmente, atuou como assessor de imprensa de várias entidades e associações, foi diretor do Sindicato dos Jornalistas por duas gestões e compôs a equipe de jornalistas da Prefeitura Municipal de Fortaleza, durante as gestões de Luizianne Lins (2004-2010). Além disso, escreve, regularmente, para o blog Brasil 247 (clique aqui) e mantém o site de crônicas políticas e sociais De Prosa pelo Monitor (clique aqui). Neste ano de 2018, irá lançar seu primeiro livro – Entrevistas Sem Barreiras.

Mídias sociais: Sem Barreiras ampliou sua área de atuação para as redes sociais. Nossa primeira incursão foi na plataforma facebook, com a criação do grupo Sem Barreiras (aqui), com 532 membros. Em seguida, o grupo gerou a fanpage /sembarreiras77 (aqui), que tem 992 curtidas. Mantemos ainda o perfil do twitter (@sembarreiras77 – aqui), com 295 seguidores, do instagram (@sembarreiras77 – aqui), com 645 seguidores, que recebeu especial atenção a partir do segundo semestre do ano passado, e nosso canal do youtube (Sem Barreiras 2017 – aqui), que tem 33 inscritos. Convidamos vocês para nos seguir em todos eles para ficarem, constantemente, atualizados com nossas informações. Por fim, o blog criou seu aplicativo oficial para celulares android. Nele, você receberá notificações de atualizações do blog, da fanpage e do canal do youtube, além de endereços e telefones de instituições, clínicas e profissionais especializados nas diversas deficiências e também sugestões de filmes sobre deficiências. Você pode baixá-lo, gratuitamente, aqui.

Fórum Sem Barreiras: Em 2016, na comemoração dos cinco anos de Sem Barreiras, foi realizado o I Fórum Sem Barreiras de Acessibilidade e Cidadania, na Assembleia Legislativa, com uma discussão sobre as dificuldades de locomoção das pessoas com deficiência em Fortaleza. Participaram os militantes dos Movimentos de PcD’s Nadja de Pinho Pessoa, Daniel Melo de Cordeiro e Flávio Arruda e as professoras da UFC, Zilsa Santiago, do Departamento de Arquitetura e Urbanismo, e Cristiana Brasil Rebouças, do Departamento de Enfermagem. Participaram ainda Fátima Dourado, Fátima Braga, Ruth Cavalcante e Célia Regina, que contaram histórias de dificuldades e superação de crianças com deficiência. Veja aqui. Em 2017, aconteceu o II Fórum Sem Barreiras de Acessibilidade e Cidadania, no Sebrae-CE. Sem Barreiras homenageou Nadja de Pinho Pessoa, falecida em julho de 2017, com a exibição de um vídeo documentário (assista aqui) e a entrega de uma placa a sua irmã, Kátia Pinho. Em seguida, debateu Educação Inclusiva, com a participação do vereador Guilherme Sampaio (PT), a militante e psicóloga Ana Beatriz Praxedes e os educadores Paulo Roberto Cândido e Amália Simonetti. Veja aqui. Em agosto deste ano, será realizado o III Fórum Sem Barreiras de Acessibilidade e Cidadania. Aguardem.

Compartilhe: